Japão rico produz PlayStation, Brasil pobre joga

Paulo Gala e Felipe Augusto

Sony revela a planta que produz o Playstation 4. É o estado da arte da manufatura avançada: 32 robôs, fornecidos pela Mitsubishi, levam apenas 30 segundos para produzi-lo. Apenas 4 trabalhadores: 2 para inserir as placas-mãe no início e 2 para embalar o aparelho. Etapa mais desafiadora para os robôs é anexação do cabo plano flexível (um cabo elétrico em forma de fita). Robôs não lidam bem com papeis e fios. É difícil prever a frouxidão e a deformação das peças, que vibram, dobram e se quebram facilmente. O Movimento requer força e precisão. No final sai um produto extremante sofisticado, que rende altíssimos lucros para a Sony e para toda cadeia produtiva ao redor. Os países ricos estão na fronteira tecnológica mundial e são os maiores investidores em inovação e tecnologia do mundo. Os países pobres apenas absorvem essas tecnologias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *